O mundo mudou

O aluno, o professor, a sala de aula e o conhecimento apresentam novas nuances na atualidade, muitas delas decorrentes da velocidade em que o mundo se transforma diante de um crescente desenvolvimento tecnológico.

O mundo mudou e continuará mudando.

Ter acesso à informação a toda hora e lugar, em ritmo acelerado, impacta diretamente em como a sociedade se organiza e como se estrutura a escola.

O documento produzido pela Comissão Internacional sobre Educação para a Unesco, conhecido como relatório Delors, já descreve os rumos da educação e como a escola deve responder a estas novas demandas, formando alunos para o mundo contemporâneo, preparados para um mercado de trabalho que exige competências como criatividade, colaboração, liderança, flexibilidade, criticidade e adaptabilidade, capacidade de resolver problemas de diversos tipos que tenham competências socioemocionais para contribuir com uma sociedade mais justa e humana: ou seja, é preciso formar indivíduos conscientes e responsáveis por sua trajetória pessoal, escolar e profissional.

Os paradigmas que orientam os currículos das escolas estão constantemente sendo transformados e, para acompanhar as inovações que chegam ao universo escolar, o gestor da escola, líder nas mudanças educativas, precisa fazer escolhas que o auxiliem a introduzir a tecnologia educacional, como um caminho facilitador para a ressignificação da prática educativa.

A escola está mudando e vai continuar mudando.

É necessário desenvolver uma cultura digital, sempre entendendo e respeitando as especificidades de cada instituição e oferecendo suporte a todos os públicos envolvidos: estudantes, docentes, gestores e pais.

Pensando neste contexto, surge o Moderna.Compartilha, um projeto pedagógico global que une as principais bases para inserção de tecnologia a favor da aprendizagem significativa: conteúdos, infraestrutura e parceria na formação de educadores.

Ao longo da trajetória escolar do aluno, esses elementos são integrados para atender às necessidades inerentes a cada fase pedagógica, utilizando a tecnologia como meio para potencializar a aprendizagem e desenvolver um aluno engajado nos estudos, parceiro, focado no seu projeto de vida e preparado para os desafios desse novo mundo que ele está ajudando a construir com ética e valores.